sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Sueca (jogo de cartas):


Na tasquinha do Sporting diariamente joga-se ao jogo da sueca. Aparecem vários jogadores que formam duas equipas, havendo dias que aparecem três, - seis jogadores - joga-se ao bota fora. Regra geral ali joga-se à sueca em mais que uma mesa.
Aparecem jogadores para todos os gostos e feitios. Uns que se intitulam professores, outros catedráticos mas, não passam de uns simples aprendizes.  Quando se tem valor devem ser os outros a elogiar. Há alguns que com humildade olham para o que outros dizem quando o jogo não lhes corre bem, outros que não aceitam nenhum comentário porque têm sempre razão. A vários tenho dito que o maior cego é aquele que não ver.
No jogo da sueca não custa nada jogar desde que perceba os sinais tradicionais do jogo: carta seca, pedir trunfo, firmar o naipe seja o de trunfo ou outro qualquer. Sempre que possua cartas altas, caso de ases, sair com eles e não puxar primeiro cartas secas como muitos fazem.
Ao proceder assim o parceiro sabe o jogo que têm e podem desde logo almejar com a vitória. Aliás no da sueca nas primeiras três ou quatro vazas o  jogo está lido. Há inventores que jogam de maneira diferente, fazendo passagem aos ases, pedindo trunfo e não pegando na vaza, depois o adversário vem a esse mesmo naipe que se fez a passagem e perde tudo.
Faz-me lembrar um tipo que tinha um pomar e não colhia a fruta na época para fazer inveja aos outros mas de tanto que queria fazer inveja que lha roubavam toda. A partir daí começou a colhê-la verde. Era se queria comer alguma.
Outros não puxam trunfos, cheio deles, depois de perderem o jogo dizem que é tudo seu, fazendo lembrar uma personagem de Freamunde que morreu há vários anos.
Gosto de assistir aos jogos de sueca na tasquinha do Sporting. Digladiam-se ali – no bom termo da palavra – nunca se dando por vencidos mesmo que percam a maioria das vezes. Dizem que vão arranjar um calendário para marcar as vitórias mas esse calendário nunca era usado derivado a só ter derrotas. Mas como se costuma dizer: azar ao jogo sorte às mulheres.  
É raro jogar. Gosto mais de assistir e assim vejo as asneiras que um ou outro par faz. No fim do jogo faço comentários a dizer onde jogaram mal - assistindo também se aprende. Mas há muitos que com eles não se aprende nada e julgam-se grandes jogadores! Só se for no físico.

4 comentários:

  1. Costumo jogar à sueca com dinheiro fictício ou real na SuecaStars em http://www.suecastars.com

    É muito bom o jogo

    ResponderEliminar
  2. Gostaria de vos apresentar a nossa aplicação “Sueca Riscos” para iPhone e iPad, e que estará brevemente disponível para Android, para uma eventual divulgação aos vossos leitores.

    iPhone: http://bit.ly/17Ve1BK
    iPad: http://bit.ly/14kg2KB
    https://www.facebook.com/SuecaRiscos

    Descrição:
    A “Sueca Riscos” é uma aplicação essencial para os amantes do jogo da sueca.
    Por vezes, um grupo de amigos junta-se à volta duma mesa para uma bela cartada de sueca. Mas depois há aquela chatice de não haver caneta e papel para marcar os pontos do jogo.

    Esse problema acabou!

    Com esta aplicação pode marcar os pontos da sueca, através de uma interface divertida e intuitiva que recria os riscos em papel.
    Além disso, pode guardar o histórico dos seus riscos na memória para poder exibi-los mais tarde.

    ResponderEliminar