quinta-feira, 6 de junho de 2013

Personagens de Freamunde:

L E N I T I V O:

 No mar tumultuoso da existência,
minhas velas rasguei de encontro aos ventos.
Sozinho lutei eu, venci tormentos
que me desconjuntaram sem clemência!

Por mim cruzaram naus, cuja imponência
desdenhosa afrouxara maus alentos…
Todavia, jamais soltei lamentos,
ou vociferei contra a Providência.

E das naus que socorro me negaram,
algumas, seguras vogam já…
Outras há que os maus ventos afundaram;

E p´ra mim, a Sorte não foi má;
minha família as ondas se tornaram…
E eu sou feliz… na sorte que Deus dá.

Freamunde, 20 de Janeiro de 1955
Nora Guey

Sem comentários:

Enviar um comentário