domingo, 11 de setembro de 2016

Sport Clube de Freamunde começou mal a época desportiva:

E vai de mal a pior. Quando todos os Freamundenses previam que ia ser uma época tranquila as coisas estão a dar para o “torto”. Chegados à sexta jornada temos uma vitória, um empate e quatro derrotas. Isto no campeonato. Por que temos outra derrota caseira para a Taça CTT.

Em dois jogos fora de portas estávamos a ganhar e num nos últimos minutos deixámo-nos empatar. Nos outros dois em casa nos últimos minutos perdemos os jogos. No de ontem, em Famalicão, também nos últimos minutos perdemos o jogo. E o mais bonito a jogarmos contra dez jogadores.

Com isto denota-se que a equipa está mal preparada fisicamente. Depois o sistema de jogo é muito defensivo. Dizem os críticos que a melhor defesa é o ataque. E, concordo que sim. Entendo que temos equipa para jogar de igual para igual com qualquer equipa e em qualquer campo.

É voz corrente que temos melhor plantel que a época passada. O que nos falta é entrosamento e confiança. Confiança que se estende ao Corpo Técnico, Direcção e SAD. Quando assim é acontece como casa que não tem pão todos ralham e ninguém tem razão.

Não se vê a SAD a tomar medidas preventivas. Parece pactuar com este desnorte. Ouvi ontem de um grupo de amigos a dizerem que este ano é para descer e depois o clube acabar e regressarmos aos regionais. Que a SAD está a preparar-se para abandonar o clube.

Parece que o efeito Pedrinho está a dar cabo da SAD, Direcção e Clube. Não se vê ou ouve um murro na mesa. Porque ainda há tempo de irmos para os primeiros lugares da classificação. O que é preciso é meter mãos à obra.

Se somos uma terra de ambições porque não ambicionar com melhores dias desportivos. Que a SAD, Direcção e Equipa nos dê a confiança que nos habituou nas últimas épocas.

Não é pedir muito. É só que nos mantenham na Segunda Liga.

Sem comentários:

Enviar um comentário